A Minha História

Olá a todos Sou a Ella e tenho 28 anos  



Ando neste percurso\jornada\caminhada há muitos anos pode-se dizer entre os meus 14 ou 15 anos uma péssima discussão com a minha irmã levou-me a querer ser magra, sem saber o que fazia fiz as minhas primeiras aventuras nas dietas, cheguei aos 50kg fazia abd de manha quando acordava e de noite antes de dormir, só comia saladas, foi um verão perfeito.

Poucos anos depois, o meu primo faleceu de acidente de mota e deixou uma filha com a mesma idade que o meu pai nos abandonou, tínhamos 6 anos, fiquei muito deprimida, porque eu sofri e tinha muito medo que ela passa-se pelo que eu passei, com o desenvolver da depressão comecei a ter ataques de pânico, descobri que era bipolar, e auto-estima já se sabia que não tinha nenhuma. 
A única coisa que me confortava, era a comida, passava o dia nas aulas quando voltava a minha mãe tinha ido para o trabalho (ela faz horário nocturno), então comecei a mia, aos 18 fui obrigada a ir para psicólogos e comecei a tomar uma data de medicamentos, que me engordaram, incharam, e dificultaram a perda do peso, portanto só acumulava não perdia.
E agora vocês perguntam-me se tiveste em psicólogos porque não estás boa?
Bem sofri abusos psicológicos chamemos-lhes Bulling e sofri abusos mais graves um pelo meu tio (irmão do meu pai) começou aos 10 anos e só terminou aos 16 anos, e anos mais tarde um ex-namorado meu com quem eu tinha terminado porque andava a namorar comigo e com outra, também me forçou um mês depois enquanto eu ia para casa há noite sozinha ...
bom o meu ambiente actualmente em casa não é nada bom... moro com a minha mãe por ter ficado desempregada...
E agora vocês perguntam-me se tiveste em psicólogos porque não estás boa?
Bem sofri abusos psicológicos chamemos-lhes Bulling e sofri abusos mais graves um pelo meu tio (irmão do meu pai) começou aos 10 anos e só terminou aos 16 anos, e anos mais tarde um ex-namorado meu com quem eu tinha terminado porque andava a namorar comigo e com outra, também me forçou um mês depois enquanto eu ia para casa há noite sozinha ...
bom o meu ambiente actualmente em casa não é nada bom... moro com a minha mãe por ter ficado desempregada...
bom o meu ambiente actualmente em casa não é nada bom... moro com a minha mãe por ter ficado desempregada...
Eu não sei se sou eu que sou fraca. Mas quando uma pessoa nos trata mal verbalmente e psicologicamente, diariamente... não é considerado violência verbal e psicológica?
Vocês devem estar pensando "Fogo, Ella é a tua mãe!"
Odeio me fazer de vitima mas isso acontece faz 3 anos e ninguém liga.
*Ela grita comigo, se eu respondo ela me chama de mal educada e me ameaça fisicamente*Ela passa o tempo todo a criticar "vizinho" falando em dinheiro, e choramingando que é uma coitada*Ela está constantemente a ameaçar que vai-se matar ou desaparecer e me abandonar*Ela insulta-me e eu nem posso me defender, novamente me ameaça com agressão física*Quando a minha irmã vem nos visitar, ela ignora-me e ate quando vão ao café não me convidam







*Ela esta sempre apontando o dedo a tudo o que eu como, mesmo já comendo pouco se só houver uma maçã e eu tiver pego a culpa delas terem acabado é minha.

Um comentário:

  1. Como eu te compreendo, temos um passado bem identico, o meu nome é Cátia Pereira, tenho 24 anos e desde muito cedo tive/ tenho problemas alimentares.
    Tudo começou quando eu tinha 10/11 anos, não era que me acha-se gorda, mas comer nunca me deu prazer, o cheiro da comida deixava-me maldisposta e ficava sempre em angustia permanente quando chegava a hora das refeições, na altura andava na escola primária, o meu inferno sempre foram as cantinas,comer em público sempre foi um grande problema para mim. Foi parar ao hospital porque, fiquei super desidratada e fiquei enternada durante uma semana. Na altura não se falava muito da doença e afinal eu era uma criança fui, não recebi medicação nem tratamento psicológico apenas supervisão alimentar.
    Quando tinha 12 anos e mudei de escola, tive outra recaída ( na altura tinha 1,60m e cheguei a pesar 42kg) aí sim recebi tratamento psicológico e medicamentos. Mas se queres saber a verdade, eu já andei em três psicologos e nunca fiquei bem.
    Sinto-me um lixo,a minha auto-estima é inexistente, não consigo acreditar em nada e em ninguém por isso sou tão solitária. Actualmente peso 52kg ( não preocupo mais a minha familia)mas não é por isso que me sinto melhor. Não me consigo ver ao espelho, não sequer ir á praia e estar em bikini se estiver muita gente. Continuo doente. Desculpa o " testamento". Mas é tão dificil encontrar alguém que nos compreenda. Beijinhos e muita força

    ResponderExcluir